Peças sacras são roubadas de igreja em Passos, Sul de Minas Gerais

Estado de Minas – 27 de Janeiro de 2011

Duas coroas de ouro foram roubadas da igreja de Nossa Senhora da Penha, em Passos, no Sul de Minas. As peças adornavam as cabeças da santa que dá nome ao santuário e do menino Jesus. Segundo a Polícia Militar, o furto ocorreu na madrugada da última terça-feira mas somente nesta quinta o caso foi divulgado.

De acordo com a polícia, o criminoso – ou criminosos, já que ainda não há confirmação se o crime foi cometido por apenas uma pessoa – subiu no túmulo de Monsenhor Matias, na área externa do templo, e conseguiu entrar pela janela. A igreja não tem nenhum dispositivo de segurança e foi necessário apenas quebrar a redoma de vidro na qual a imagem ficava.

Ainda segundo a PM, a peça teria sido feita na França. A imagem de madeira adornada com as coroas de ouro foi doada para a paróquia em 1866, cinco anos depois da construção da capela de Nossa Senhora da Penha, por Antônio Caetano de Faria Loulou, responsável também pela construção do templo.

Depois do roubo, a imagem foi guardada em outro local. O suspeito ainda tentou arrombar a sacristia, mas deixou o local levando apenas as coroas. O caso foi encaminhado para a Polícia Civil, mas ainda não há pistas sobre quem teria cometido o crime.

Apesar de centenária, a imagem na qual ficavam as coroas não faz parte da lista de bens tombados. Atualmente, segundo o Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico (Iepha) de Minas, há 77 peças tombadas desaparecidas no Estado. A grande maioria é de imagens e outros objetos sacros, levados de igrejas mineiras.

Anúncios