Haiti: Beneditinos abrem mosteiro a vítimas do terramoto Depois do devastador terramoto no Haiti, os Beneditinos Missionários da Congregação de St. Ottilien (Alemanha) colocaram à disposição do mosteiro da congregação que se encontra em Morne Saint Benoit, a cerca de 65 km da capital, Port-au-Prince, um total de 20 mil euros provenientes do seu fundo para catástrofes, para ajudas de emergência. “Estamos felizes por os nossos irmãos do mosteiro de Morne Saint-Benoit terem saído ilesos do grave terramoto”,afirma o Arqui-abade Presidente, Padre Jeremias Schröder OSB, em nota enviada à Agência Fides. “Assim, o nosso mosteiro pode ajudar as vítimas. As primeiras vítimas provenientes da capital completamente destruída já foram acolhidas, e entre elas, estão 15 órfãos. Todos os dias chegam à região outras pessoas vindas de Porto Príncipe, em busca de ajuda”, acrescenta.

Anúncios